kl_semantic-cocoon_expert-file_dandruff-decoding_1
Conteúdos

Como se livrar da caspa naturalmente?

É uma verdadeira contrariedade mas não uma fatalidade. Explicamos-lhe como se pode livrar da caspa graças às nossas dicas anticaspa naturais.

Reconhecer os tipos de caspa para se livrar dela.

Este problema capilar afeta nada menos que 1 em cada 2 franceses, ocasional ou regularmente. Mas sabia que, na realidade, existem dois tipos de caspa: seca e oleosa. Vamos aprender a distinguir entre os dois tipos de caspa para que as possa remover melhor. 

A caspa seca aparece como um pó branco fino e seco, por vezes
acinzentado, como pequenos flocos que se destacam facilmente
do couro cabeludo e são particularmente visíveis nos ombros de um casaco preto, por exemplo. Ao contrário da caspa oleosa,
pode ser facilmente removida do couro cabeludo, localiza-se
principalmente no topo da cabeça e pode ser acompanhada por
diferentes níveis de comichão. A caspa oleosa, por outro lado,
aparece como escamas maiores, gordurosas e amareladas que
tendem a agarrar aos cabelos. Localiza-se principalmente nas
têmporas e atrás das orelhas e podem ser acompanhada por
dermatite seborreica ou hiperseborreia. 

Quais são as causas da caspa?

Ainda é difícil identificar todos os fatores que causam a caspa, mas vamos dar uma vista de olhos. 

A caspa ocorre quando as células da epiderme, a camada mais superficial do couro cabeludo, se multiplicam rápido demais, e não dão tempo para que as células mortas sejam removidas. Ela pode estar associada a patologias cutâneas como a psoríase ou a dermatite seborreica e ser acentuada por vários fatores (hormonas, champôs com muito detergente, tabagismo, ar muito seco, poluição, secura da pele, alimentação, stress, etc...). Finalmente, citamos o papel do fungo Malassezia, cuja proliferação leva à inflamação, produção excessiva de sebo e escamação do couro cabeludo. Com todo o respeito, Malassezia. 

As escamas (ou caspa), são o quê? 


As escamas são pequenos pedaços de pele que caem da superfície do couro cabeludo. Aparecem após um distúrbio na renovação celular da pele. O ciclo é reduzido de 28 dias para cerca de 5 dias. As células mortas já não têm tempo para se libertarem gradualmente, agarram-se umas às outras e concentram-se sob a forma de flocos. Quanto mais oleosas são, mais as escamas tendem a unirem-se umas às outras e os cabelos a formar grandes crostas amareladas (honestamente não muito bonitas). Surpreendente, não é? Em todo o caso, embora os flocos tendam a ser um pouco despojados, não há nada de sujo neles. Mas concordamos que esteticamente é um problema. 

A forma correta de remover a caspa naturalmente

A forma correta de remover a caspa naturalmente

5 dicas anticaspa para lhes dizer adeus

- Evite champôs com demasiado detergente que sensibilizam o couro cabeludo
- Não use secador demasiado quente na sua cabeça
- Espace as lavagens para deixar que o sebo se autorregule
- Não ceda à tentação de coçar
- Adote uma rotina anticaspa específica e adaptada ao seu tipo de caspa

O minuto da caspa

Para se livrar da caspa naturalmente, Pivoina ou Galanga?

 

Pivoina, a campeã a acalmar o couro cabeludo
Tradicionalmente utilizada na medicina chinesa desde o século X pelas suas propriedades calmantes, os nossos botânicos selecionaram este ingrediente ativo natural pela sua riqueza em paeoniflorina, uma molécula que reduz consideravelmente a inflamação. É, portanto, ideal para acalmar rapidamente a sensação de desconforto e comichão. A adotar no caso de caspa seca e irritação. 

A galanga, fungicida natural

A Galanga é uma planta herbácea originária do sudeste da Ásia pertencente à grande família dos Zingiberáceos. Utilizada na medicina tradicional chinesa pelas suas propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas, atua como fungicida natural no couro cabeludo. Indispensável para se livrar da caspa, especialmente da caspa oleosa. 

Os benefícios da Galanga contra a caspa

Os benefícios da Galanga contra a caspa

A maioria dos tratamentos contra a caspa depende de antifúngicos para combater a proliferação do notório fungo Malassezia. A utilização da Galanga é uma dica anticaspa que oferece uma alternativa natural ao Zinco Piritiona, uma molécula química amplamente utilizada no tratamento da caspa. E existem tantas outras virtudes... A natureza faz bem as coisas , não é verdade?

Descubro

A técnica para um champô (realmente) eficaz

A pensar como pode utilizar o champô com máscara em pó para tirar o máximo partido dos seus efeitos? Aqui tem o tutorial.
kl_semantic-cocoon_expert-file_dandruff-decoding_1

Fazer as escolhas certas para remover a caspa

No caso de caspa, evite champôs demasiado frequentes ou com muito detergente e prefira a ação de ingredientes naturais que são igualmente eficazes

Corinne Bigot Farmacêutica

Voltar ao topo